Futebol: Torcidas retornam para os estádios em São Paulo

In Esportes, Geral

Últimas partidas com público em solo brasileiro haviam acontecido apenas em março de 2020.

Gabriel Henrique Teixeira

A partida entre Corinthians e Bahia, realizada no último dia 05, no estádio Neo Química Arena, marcou a volta dos torcedores aos estádios no estado de São Paulo por competições nacionais. Seguindo todos os protocolos de saúde contra a pandemia, como o uso de máscara obrigatório, o uso de álcool em gel e distanciamento social. Um dos requisitos para a liberação do público é o comprovante de vacinação completa contra a Covid-19, apresentar o teste antígeno feito em até 24 horas ou o teste PCR negativo de até 48 horas.

Por enquanto, a capacidade de torcedores permitidos nos estádios é de 30%. Se tudo ocorrer como anunciado, no dia 15 de outubro será de 50% e em 1° de novembro com a capacidade máxima, segundo o governador de São Paulo. 

Um marco para os torcedores

A partida entre Corinthians x Bahia, para alguns pode ter sido apenas mais uma na história do clube, mas, esse retorno da torcida é uma data memorável e que para muitos vai ser difícil de esquecer. 

O corintiano Eneias Lopes Ribeiro organiza caravanas de torcedores de Mogi Guaçu no interior de SP e região. Antes da pandemia, eram organizadas uma ou duas caravanas por mês para o estádio do clube.  

Porém, com a determinação dos jogos sem público, essas caravanas precisaram ser interrompidas. “Na hora que entrei no estádio novamente, me senti um privilegiado de estar vivo, e ter essa oportunidade de rever muitos conhecidos no estádio”, comenta Eneias.

Na Série B do Campeonato Brasileiro, o retorno vem acontecendo desde o final de setembro. Entretanto, a liberação que foi feita pelo conselho técnico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), autorizava apenas os clubes que também tinham a liberação de seus respectivos municípios para a realização de partidas com a presença de público. O que não era o caso dos clubes da cidade de Campinas.

A assessoria de imprensa do Guarani Futebol Clube, clube de Campinas que disputa a Série B do Brasileirão, diz que “A volta é benéfica em todos os sentidos, principalmente na questão do apoio do torcedor em um momento tão importante do campeonato.” A equipe bugrina voltou a jogar em casa, Brinco de Ouro, neste sábado, (09), depois de quase dois anos  sem a presença de público. A assessoria do Guarani, ainda explica que foram meses difíceis em relação à parte financeira, sem a renda vinda das bilheterias e que “os jogadores estão focados na preparação do jogo e que estão muito felizes com o retorno da torcida”, concluiu.

Especialista na área de otorrinolaringologia, o doutor Thiago Zago defende que o retorno da torcida tem que ser feito com muita cautela. “Apesar dos números de internações e óbitos por Covid-19 serem cada vez menores, a gente ainda possui cerca de 500 mortes por dia no país”, ressalta. É sempre importante destacar a manutenção dos protocolos de saúde na realização das partidas. “Acredito que a vacinação teria que avançar um pouco mais para fazer a liberação de aglomerações com segurança”, finaliza.

You may also read!

Disney inclui papais noéis negros nos parques

Parques temáticos passam a representar pretos em decorações natalinas pela primeira vez em mais de seis décadas. Paula Orling

Read More...

Enem aborda a desigualdade social no primeiro dia de aplicação

Após ser tema de discussões e denúncias, Enem ocorre normalmente nas datas previstas. Lucas Pazzaglini O Exame Nacional do

Read More...

Calçada cede em Joinville e deixa feridos

Durante um evento de Natal promovido pela prefeitura, a calçada cedeu derrubando pessoas na galeria fluvial. Bruno Sousa Uma

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu