Futebol: Torcidas retornam para os estádios em São Paulo

In Esportes, Geral

Últimas partidas com público em solo brasileiro haviam acontecido apenas em março de 2020.

Gabriel Henrique Teixeira

A partida entre Corinthians e Bahia, realizada no último dia 05, no estádio Neo Química Arena, marcou a volta dos torcedores aos estádios no estado de São Paulo por competições nacionais. Seguindo todos os protocolos de saúde contra a pandemia, como o uso de máscara obrigatório, o uso de álcool em gel e distanciamento social. Um dos requisitos para a liberação do público é o comprovante de vacinação completa contra a Covid-19, apresentar o teste antígeno feito em até 24 horas ou o teste PCR negativo de até 48 horas.

Por enquanto, a capacidade de torcedores permitidos nos estádios é de 30%. Se tudo ocorrer como anunciado, no dia 15 de outubro será de 50% e em 1° de novembro com a capacidade máxima, segundo o governador de São Paulo. 

Um marco para os torcedores

A partida entre Corinthians x Bahia, para alguns pode ter sido apenas mais uma na história do clube, mas, esse retorno da torcida é uma data memorável e que para muitos vai ser difícil de esquecer. 

O corintiano Eneias Lopes Ribeiro organiza caravanas de torcedores de Mogi Guaçu no interior de SP e região. Antes da pandemia, eram organizadas uma ou duas caravanas por mês para o estádio do clube.  

Porém, com a determinação dos jogos sem público, essas caravanas precisaram ser interrompidas. “Na hora que entrei no estádio novamente, me senti um privilegiado de estar vivo, e ter essa oportunidade de rever muitos conhecidos no estádio”, comenta Eneias.

Na Série B do Campeonato Brasileiro, o retorno vem acontecendo desde o final de setembro. Entretanto, a liberação que foi feita pelo conselho técnico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), autorizava apenas os clubes que também tinham a liberação de seus respectivos municípios para a realização de partidas com a presença de público. O que não era o caso dos clubes da cidade de Campinas.

A assessoria de imprensa do Guarani Futebol Clube, clube de Campinas que disputa a Série B do Brasileirão, diz que “A volta é benéfica em todos os sentidos, principalmente na questão do apoio do torcedor em um momento tão importante do campeonato.” A equipe bugrina voltou a jogar em casa, Brinco de Ouro, neste sábado, (09), depois de quase dois anos  sem a presença de público. A assessoria do Guarani, ainda explica que foram meses difíceis em relação à parte financeira, sem a renda vinda das bilheterias e que “os jogadores estão focados na preparação do jogo e que estão muito felizes com o retorno da torcida”, concluiu.

Especialista na área de otorrinolaringologia, o doutor Thiago Zago defende que o retorno da torcida tem que ser feito com muita cautela. “Apesar dos números de internações e óbitos por Covid-19 serem cada vez menores, a gente ainda possui cerca de 500 mortes por dia no país”, ressalta. É sempre importante destacar a manutenção dos protocolos de saúde na realização das partidas. “Acredito que a vacinação teria que avançar um pouco mais para fazer a liberação de aglomerações com segurança”, finaliza.

You may also read!

Desnutrição infantil atinge população.

Fome no Brasil promove alerta sobre as consequências da desnutrição infantil

Diante do cenário de fome crescente no Brasil, pesquisas revelam como a desnutrição infantil afeta as demais etapas da

Read More...
Sessões terão apoio da ANS

ANS retira limite de sessões com fisioterapeutas, psicólogos e outros

A decisão sobre as sessões impacta a usuários de planos de saúde. Lucas Pazzaglini A Agência Nacional de Saúde

Read More...
Plástico é produto de difícil reciclagem

No more plastic! Canadá proíbe a produção e importação de plásticos de uso único

A nova regulamentação entrará em vigor a partir de dezembro de 2022. Cristina Levano O governo canadense apresentou as

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu