O universitário e seus momentos de lazer

In UNASP

Descubra quais são os quatro hobbies preferidos dos universitários do Unasp-EC

Sara Rabite

A vida de um universitário é muito agitada. Trabalhos, grupos de pesquisas, cursos, atividades complementares, estágio, provas e a lista não acaba por aqui. Mas lazer e tempo livre são palavras que não podem faltar no vocabulário dos jovens. Passar tempo com os amigos, ler um bom livro, passear, praticar atividades físicas, ouvir música, assistir séries e filmes, mexer no celular e até mesmo gastar os minutinhos que restam para descansar.

Helena Cuzzuol, é estudante de Direito e um de seus hobbies é a prática de atividades físicas. A universitária conta que se sente mais motivada e animada para as atividades do dia a dia. Já quando acontece algum imprevisto, Helena conta que seu dia fica incompleto. “Me sinto desmotivada, pois é uma quebra na minha rotina, além de o exercício ser um meio de relaxar dos estudos”, afirma.

Alguns alunos do Centro Universitário Adventista de São Paulo, campus Engenheiro Coelho (Unasp-EC), foram entrevistados e contaram o que fazem nos seus momentos de lazer. As quatro categorias mais votadas dentro da realidade do internato foram:

  1. Dormir

Ter um descanso a mais durante o dia, foi a categoria mais votada dentre os jovens entrevistados. Alguns afirmaram que o pouco de tempo livre que possuem, devido à rotina agitada e intensa do internato, utilizam para tirar aquele “cochilinho”.

2. Exercícios Físicos

Ir para a academia, andar de bicicleta, dançar, meditar, nadar, praticar esportes, entre outras atividades físicas foram as segundas mais votadas.

 3. Séries/ Filmes

O passatempo de deitar para assistir algo na televisão ou no computador é muito forte entre os jovens. Assistir séries e filmes é um hobby viciante e que ocupa boa parte de seus tempos livres, segundo os entrevistados.

4. Música

Ouvir uma música que goste, seja no fone de ouvido, celular e até mesmo na caixinha de som é um hobby que nunca sai de moda. Para concentrar nos estudos, cantar, relaxar, curtir com os amigos e em outras diversas ocasiões, a música não pode faltar.

As atividades que mais se destacaram foram o descanso e a prática de atividades físicas. O educador físico, Eduardo Campos, destaca os benefícios de cada um. Segundo Campos, os jovens têm que cuidar de sua velhice na adolescência, por isso a prática de exercícios e o descanso são essenciais. “Quando a gente dorme, o corpo é revigorado. Quem dorme pouco vai ter complicação de concentração e falta de disposição”. O professor ainda complementa, “Quem não fizer exercícios, pode ter uma velhice complicada”, frisa.

Link da imagem:

https://goo.gl/784ogM

 

You may also read!

No pain, no gain

A prática de atividade física traz diversos benefícios às pessoas Kelyse Rodrigues Muitos desejam a sonhada “barriga chapada”, aqueles

Read More...

Cinco coisas que você NÃO deve falar para uma pessoa depressiva

Falta de compreensão e conhecimento sobre a doença por parte da sociedade pode prejudica a vida dos depressivos Karol

Read More...

Precisamos falar sobre a saúde mental dos universitários

A faculdade potencializa a ansiedade de muitos jovens Letícia Bessa Problemas para lidar com o estresse são muito frequentes

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu