Aumento de preço de automóveis distancia cada vez mais o sonho de consumo do brasileiro

In Economia, Geral

O sonho de todo brasileiro de ter um carro está ficando cada dia mais distante com o aumento de preço dos automóveis novos e seminovos.

Nycole de Souza

O aumento no preço dos automóveis está dificultando a compra dos veículos pelos consumidores brasileiros. Se no passado para comprar um carro uma pessoa precisava de 28 salários mínimos, atualmente é preciso de no mínimo 40 salários mínimos, de acordo com uma pesquisa da Kelley Blue Book (KBB).

Cálculos de empresas e consultores que acompanham o mercado indicam o aumento da compra de automóveis do ano passado, modelos novos e seminovos aumentaram entre 14% e 21%. Em 2021 o preço do carro “ano modelo” 2022 (geralmente lançado antes da virada do ano)  subiu em média 18,39%, segundo a empresa especializada em variações de preços no mercado, a KBB. 

Dos dez carros zero mais vendidos do primeiro trimestre, cinco deles estão na faixa de preço, acima dos R$ 100 mil reais. Entre eles estão as marcas campeãs de venda, HB20 da Hyundai, e Onix da General Motors, os preços começam entre R$ 70 mil a R$ 73 mil. 

As versões que trazem os conjuntos de acessórios, motorização e pintura mais desejados passam facilmente pela faixa de preço.

Os consumidores sentem a diferença

Flaviano Lima é morador de Goiânia-GO e comprou um carro recentemente. Ele disse que percebeu o aumento de tudo relacionado ao automóvel desde que comprou e que sempre planejou comprar um carro usado pois achava mais em conta.

Outro que planeja comprar um carro é o morador de Engenheiro Coelho, São Paulo, Werlys Tiago. “Estou vendo as possibilidades, pois posso comprar carro novo, que as condições são bem melhores, mas tem a parte ruim de gastar um pouquinho mais, ou comprar um seminovo. Estou vendo qual vai ser minha melhor opção”, comenta.

O estudante disse que percebeu o aumento de preço dos carros usados. “Eles estão sendo muito valorizados e está compensando muito mais comprar seminovo”, disse Werlys.

A vendedora de carros Mariana Lima, comentou sobre a diferença de valores desde que começou a trabalhar nesse meio. “Os valores subiram muito nos últimos meses, a tabela fipe subiu em média R$ 10.000,00 reais”, ressalta.

Mariana também explica como o mercado de venda está agindo nesse momento. “Está mais rentável vender usado, principalmente para quem tinha estoque antigo, pois comprou bem mais barato e agora está vendendo mais caro”, explica. Além disso, ela ressalta que a alta nos usados também tem relação com a falta de carros zero no mercado, já que matéria-prima também está mais cara.

You may also read!

Dia dos Pais é comemorado neste fim de semana

8 ideias para você comemorar o Dia dos Pais com o seu paizão

Saiba como celebrar com seu pai nesse dia especial Lucas Pazzaglini O Dia dos Pais está chegando e talvez

Read More...
Dependentes de Nicotina recebem ajuda do SUS

SUS proporciona campanha de tratamento para dependentes de nicotina

Promovido pelo Ministério da Saúde e Instituto Nacional do Câncer, o projeto visa auxiliar a comunidade dependente por meio

Read More...
Rodada do paulista de Flag Football foi no UNASP

UNASP recebe rodada do Campeonato Paulista de Flag

As partidas de Flag contaram com 16 times no total, nas categorias  masculinas e femininas, movimentando torcedores das equipes

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu