Celebridades geram credibilidade em vendas

In Cultura, Economia, Geral

Vendedores afirmam que a estratégia de vincular um rosto famoso a um produto pode gerar grande influência na hora da compra.

Sara Helane

Segundo uma pesquisa realizada em 2020 pela plataforma Cupom Válido, com dados da Statista e da HootSuite, o Brasil é o país mais influenciado com relação à compra. De acordo com a pesquisa, 43% da população brasileira já fez compras por conta da publicidade ou ação realizada por digital influencers. Especialistas apontam que tal estratégia busca dar à marca a notoriedade que celebridades têm e aumentar as vendas. 

O publicitário Gil Pinna conta que marcas de produtos ou serviços que utilizam famosos em sua estratégia de vendas, fazem isso para dar mais credibilidade à marca. “Essas empresas usam essa ferramenta para atrelar suas marcas à notoriedade, ao posicionamento e à credibilidade dessas pessoas famosas, tornando-se referência e engajando com suas comunidades“, diz. 

Pinna ainda diz que nem sempre os produtos ficam mais caros por terem rostos famosos vinculados às marcas. “Depende da pessoa famosa. A Ana Maria Braga foi âncora do Carrefour por muito tempo e falou com a classe C sobre ofertas e promoções”, pondera. Para o publicitário, os consumidores já entendem como funciona essa estratégia de “garoto propaganda” e isso faz com que eles não se iludam e também não repudiem o produto e o famoso.

Gil ressalta que, quando o perfil de uma marca casa com o perfil de uma pessoa famosa, o público tende a admirar e comprar, por exemplo, o ex-jogador de basquete, Michael Jordan e a empresa de artigos esportivos, Nike.

Produtos de Michael Jordan, em parceria com a Nike, fazem sucesso no mercado. Foto: Divulgação

Vendedores 

A administradora e consultora de cosméticos, Francinara Lopes, relata que alguns produtos que são mais caros por serem atrelados a pessoas famosas, pois as empresas precisam pagar o cachê do famoso e pela propaganda em si ter um preço maior. “As marcas utilizam isso para vender mais”, diz.

Ela diz que percebe em suas vendas de cosméticos que os produtos que são atrelados à celebridades influenciam mais os clientes na hora da compra. “Um rosto conhecido passa mais credibilidade ao cliente sobre a qualidade do produto”, comenta.

Pedro Lucas é consultor de perfumes e criador de conteúdo digital, para ele, a influência que as celebridades geram na venda dos produtos é algo considerável. “As pessoas se baseiam no estilo de vida, seja no estilo de vida corporal, intelectual, material, e querem ter e estar no lugar que esses famosos estão, querem fazer o que eles estão fazendo e comprar o que eles estão comprando”, afirma.

Lucas diz que o uso das celebridades pode gerar malefícios para alguns tipos de consumidores. Para ele, essa estratégia faz com que exista uma comparação exagerada entre a vida do famoso e do consumidor. Além disso, comenta que pode acarretar em problemas financeiros, já que, ao tentar se equiparar ao famoso, a pessoa acaba comprando produtos com preços que estão fora do seu orçamento.

Consumidor

A estudante universitária Sabrina Santos conta que, para ela, a influência depende muito de consumidor para consumidor. “Eu não me considero uma pessoa engajada no mundo dos famosos, então isso não influencia muito na minha escolha de compra. Porém, sei que tem pessoas que são mais atentas aos famosos, por isso essa influência acaba sendo significativa e relevante para elas”, diz.

Apesar disso, Sabrina relata que antes, quando tinha uma atenção maior ao mundo das celebridades, acabou sendo influenciada a fazer compras só por ter um rosto famoso vinculado ao produto. “Já comprei um óculos só porque vi que uma famosa que eu acompanhava fazia propaganda da marca”, confessa. 

Foto: Divulgação

You may also read!

Jovens se sentem mais felizes sem o celular, diz pesquisa

Entenda como os adolescentes lidam com o tempo de tela. Luiza Strapassan O uso do celular entre os jovens

Read More...

Programas de exercícios melhoram a qualidade de vida de pacientes com câncer de mama metastático

A atividade física é benéfica para pacientes com câncer de mama avançado, melhorando a qualidade de vida, reduzindo a

Read More...

Hábito de roer as unhas atinge até 30% da população global

Roer as unhas pode parecer uma reação normal ao estresse e ansiedade, mas pode apresentar nocividade à saúde. Eduardo

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu