Morre a lenda do boxe Éder Jofre

In Esportes, Geral

Depois de ficar internado por meses, o boxeador morreu por conta de complicações de uma pneumonia.

Paula Orling

O boxeador brasileiro Éder Jofre morreu aos 86 anos de idade. O atleta, que foi campeão mundial do esporte, faleceu na madrugada deste domingo (2), na cidade de Embu das Artes, estado de São Paulo. Jofre estava internado em uma clínica com pneumonia desde o dia 4 de março. A morte se deu por complicações da doença, como uma sepse urinária e insuficiência renal aguda.

A família do boxeador confirmou o falecimento a diferentes redes televisivas e Andrea Jofre, filha do atleta, fez o anúncio nas redes sociais. Ele foi diagnosticado há sete anos com encefalopatia traumática crônica, doença que afeta a memória e que antigamente era chamada de demência pugilística. O atleta também perdeu muito peso e não se recuperou fisicamente.

O genro do boxeador, Antônio Oliveira, presta seus sentimentos em entrevista ao UOL Notícias. “Perda inestimável. Alguém do porte dele, do calibre dele, uma pessoa insubstituível por toda a carreira dele do início até os dias de hoje. Não para de receber homenagens. Um outro nome jamais vai chegar ao nível que ele chegou. Uma perda irreparável”, lamentou Oliveira.

Carreira

Éder Jofre é considerado o maior boxeador peso galo de todos os tempos e foi campeão mundial desta categoria entre os anos 1960 e 1965. Em 1973, ganhou na categoria de peso-pena, título ainda maior do que o anterior.

Ele trouxe orgulho ao país ao ser o primeiro brasileiro a deter um cinturão de relevância mundial no boxe. O tricampeão da categoria também foi integrante do Hall da Fama do Boxe da Costa Oeste dos Estados Unidos.

Ao longo de sua carreira, Jofre disputou 81 lutas, 75 vitórias, 50 nocautes, quatro empates e duas derrotas.

You may also read!

Conheça o benefício do povo

O governo brasileiro dispõe de benefícios sociais à população que são programas de transferência de renda oferecidos pela União

Read More...

Número de médicos no Brasil quadruplica e desigualdade persiste

Relatório reafirma o que muitos já sabem: a desigualdade não é uma preocupação. Lucas Pazzaglini A notícia não é

Read More...

Cerca de 70% dos trabalhadores mentem em seus currículos

De acordo com nova pesquisa de Comportamento de Candidatos a Emprego, foi descoberto taxas altas de mentira no processo

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu