Ary Borges: uma estrela em ascensão

In Copa do Mundo, Esportes, Geral

Conheça a meio-campista que anotou 3 gols na estreia do Brasil na Copa do Mundo Feminina 2023.

Cristina Levano

A meio-campista da Seleção Brasileira, Ary Borges, foi o grande destaque da estreia do Brasil após marcar três dos quatro gols que levaram o Brasil à vitória no jogo contra o Panamá na última segunda-feira(24). Este é o primeiro mundial da jogadora que até o momento conta com 28 participações pela amarelinha.

Esta é sua primeira vez jogando no mundial da Fifa, e já se tornou a primeira brasileira a marcar dois gols no primeiro tempo em jogo de estreia da Copa, desde a jogadora Marta que realizou o feito em 2003.

Natural de São Luís no Maranhão, Ariadina Alves Borges sempre foi apaixonada pelo futebol, algo que sua família entendeu, ajudando-a a ingressar no esporte predominantemente masculino desde cedo. 

“Sempre vou ser grata aos meus familiares. Nos momentos mais duros da minha vida eles estavam ali fazendo de tudo para me deixar segura e feliz. Um privilégio”, declarou a atleta ao The Players Tribune.

Trajetória de sucesso

Quando tinha 10 anos ela se mudou para São Paulo, onde o pai da meio-campista a levou para testes no Santos, mas não continuou, porque não podia jogar com os meninos. Mesmo assim, não se renderam e encontraram mais acolhimento em outro clube, o Centro Olímpico, que possuía um espaço para o futebol feminino.

Lá, atuou nas categorias base, estreando como profissional, e dessa forma entre 2015 e 2016 iniciou sua carreira como jogadora. Ary disputou 23 jogos e marcou 17 gols, junto ao time paulista, e essa marca incrível nas equipes de base, com o tempo a levaria para o profissional.

Em 2017, foi contratada pela equipe do Sport Recife, onde ficou apenas uma temporada. Com as Leoas da Ilha, Ary atuou 24 jogos e marcou seis gols, sendo uma peça importante na conquista de títulos estaduais, e despertando o interesse de outros clubes paulistas.

Assim, Borges assinou com o São Paulo, em 2019, e foi protagonista do meio campo tricolor durante a temporada, conduzindo a equipe à vitória no Brasileirão Série A2, como capitã. Não muito tempo depois, aceitou o convite do Palmeiras, com quem ficou desde 2020 até 2022.

Por mais que a mudança gerou algumas polêmicas no começo, jogar para o Verdão foi muito positivo para sua carreira, pois junto com o time brilhou no Alviverde, conquistou o Campeonato Paulista em 2021 e tornou-se peça fundamental na conquista da Copa Libertadores em 2022. Além disso, foi neste período que a atleta foi convocada pela primeira vez para o time principal da Seleção Brasileira feminina.

Em seguida, a jogadora despertou o interesse do futebol estrangeiro, e em busca de novos desafios, oportunidades, e representando uma nova fase emocionante em sua carreira, em 2023 se transferiu para o Racing Louisville, dos Estados Unidos.

O sucesso da meio-campista não terminou só nos clubes, também se destacou nas categorias de base da Seleção Brasileira. Em 2018, representou o Brasil na Copa do Mundo Sub-20, ajudando na conquista do título do Sul-Americano na mesma temporada, demonstrando seu talento desde seus primeiros passos no futebol profissional.

Sua trajetória na profissão poderia se resumir a “muita ambição, apoio familiar e sonhos”, como ela mesma declarou a meia em entrevista concedida a um podcast do Palmeiras, seu ex-clube.

Atualmente, Borges é uma referência no futebol feminino brasileiro. Sua carreira, marcada por superação, dedicação e paixão pelo futebol, a torna um exemplo de coragem e esforço para jovens atletas e todos os que acompanham seu crescimento. Com todo esse potencial e habilidades, com certeza veremos muito mais vitórias e momentos inesquecíveis por ela nos campos de futebol.

You may also read!

Dispositivo de computação espacial da Apple é lançado nos EUA

O Apple Vision pro está disponível a partir de 17 mil reais. Diogo Cruz  No último dia 02 de

Read More...

Um em cada cinco adultos sofre com cansaço diário

Mulheres são mais propensas a sentirem fadiga excessiva, segundo estudo. Sara Helane Um em cada cinco adultos sofre de

Read More...

Naturalização no Brasil dispara desde 2010

Em 2023 mais de 10 mil pedidos de naturalização foram deferidos. Maria Eduarda Tomaz  O número de processos de

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu