Pesquisa aponta que 60% dos brasileiros se sentem inseguros ao andar na rua

In Cultura, Geral

Segundo pesquisa do Datafolha, mulheres e pessoas acima de 45 anos são os que sentem mais insegurança.

Raquel Condor

Uma pesquisa feita pelo Datafolha afirma que 6 a cada 10 brasileiros sentem insegurança ao andar na rua de suas cidades. A pesquisa se baseou no gênero, na região, orientação política e raça dos brasileiros. Mais da metade disse que se sente muito inseguro ao andar em seu próprio bairro à noite. Os resultados apontaram que mulheres e pessoas acima de 45 anos são os que sentem mais preocupação.

Preocupação ao andar na rua

A pesquisa ouviu 2.016 brasileiros com mais de 16 anos de idade de todo o país. Foram feitas duas perguntas: como se sentem ao andar pelas ruas de sua cidade e do seu bairro. Em ambos casos, as respostas mostram a preocupação que sentem as pessoas andando pelas ruas, seja de sua cidade ou do seu bairro. 

Sara Godinho, nascida na cidade de São Paulo, diz que a partir dos 15 anos começou a se sentir insegura ao andar pelas ruas de seu bairro, pois nesta idade começou a ir sozinha para a escola. Além disso, em uma escala de 1 a 10, diz que um 8 define sua insegurança quando anda pela cidade ou pelo bairro.

Só 19% afirmaram se sentir muito seguros no seu bairro, enquanto 30% afirmam se sentir muito inseguros. Além disso, só 14% dos entrevistados dizem se sentir muito seguros na sua cidade. Por outro lado, as pessoas com diferente inclinação política mostram uma maior diferença sobre sentir-se inseguros nas ruas. 54% dos petistas mostraram sentir-se mais seguros, enquanto 74% dos bolsonaristas disseram se sentir muito ou pouco inseguros.

Em que período do dia as pessoas sentem mais insegurança?

Sara diz que o período em que sente mais insegurança é à noite. “À noite tem mais moto, pouca movimentação de pessoas e mais homem bêbado”, afirma. Das pessoas que foram entrevistadas, 60% afirmaram se sentir inseguras ao caminhar pelas ruas de sua cidade. Desse 60%, 34% dizem sentir-se muito inseguras andando pela rua à noite, enquanto 26% afirmaram se sentir pouco inseguras.

Diogo Jerônimo de Lima, cidadão brasiliense, considera sua cidade um lugar onde é preciso andar com muito cuidado nas ruas, especialmente à noite ou nas primeiras horas da manhã.

Quais são os motivos que causam insegurança nas pessoas ao andar pelas ruas?

Sara relata que “o principal motivo pelo qual me sinto insegura quando ando na rua é que algum homem vai me seguir e querer fazer algo ruim comigo”. Em 2022, o Brasil registrou o maior número de casos de estupro da série histórica, com um registro de 205 casos por dia, contando só os que foram denunciados. Também se percebeu um aumento no número de casos de assédio sexual, importunação sexual e perseguição.

Por outro lado, Diogo acredita que o principal motivo da insegurança em sua cidade é o assalto e acha que a maior parte da responsabilidade recai sobre a polícia por não cumprir seu papel de proteger a cidade. “No ano passado, meu celular foi roubado”, ele descreve. 

De acordo com o ranking de municípios mais violentos do Brasil, a Bahia lidera essa lista. A pesquisa mostra que as pessoas no Nordeste se sentem muito mais inseguras do que há um ano, quando perguntadas sobre andar na rua. Pode-se observar que os três principais motivos da insegurança das pessoas são: assédio sexual, assalto e falta de proteção por parte da polícia.

You may also read!

Dengue e Covid: os diferentes sintomas das doenças

Febre e dor de cabeça são sintomas comuns, e especialistas apontam quais devemos nos alertar.  Davi Sousa O Brasil

Read More...

Como as microssonecas afetam nossa saúde

As “inofensivas” sonecas que duram apenas segundos podem significar uma péssima rotina de sono. Nicoly da Maia As microssonecas

Read More...

Governo lança programa com investimentos de R$ 700 milhões para Amazônia

A parceria com 70 municípios prevê a redução de desmatamentos e incêndios zero até 2030 na Amazônia. Elinelma Vasconcelos

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu